Com a mudança dos ventos mercadológicos, a internet trouxe, também uma mudança de comportamento que transformou o mercado de consumo em algo muito mais interessante do que era há pouco mais de quinze anos.

O consumidor passou a exercer papel fundamental como crítico e, com sua voz, tornou a internet a ferramenta democrática de opinião, além de tudo o que já é, transformando-a em ponto de lançamento de produtos ou encerramento dos mesmos.

Essa voz crítica, então, mudou os rumos da comunicação, que passou a ser muito mais ágil, necessitando de ritmo para acompanhar a infinita quantidade de informações que passa pelas linhas do tempo em todo o mundo, ao mesmo tempo, sobre tudo.

A era do marketing na web

É justamente por isso que o marketing ganhou proporções faraônicas, tornando-se essencial para elevar o consumidor ao nível em que se encontra hoje e, em consequência, transformar seus gostos, costumes e dados pessoais em itens primordiais para criação de conteúdos relevantes.

Por relevância, aliás, subentende-se que o consumidor é o responsável por suas próprias ações, o que, é claro, era diferente há vinte anos, quando era muito mais fácil manipular informações. Mas é justamente por isso que a relevância está tão em alta: o consumidor quer informações sobre somente o que lhe for de interesse.

O jornalismo como ferramenta de marketing

jornalismo marketing

É aqui que entra o papel do jornalismo na web. Com profissionais gabaritados com diferentes técnicas, é possível encontrar pontos narrativos, técnicas dissertativas e opiniões que tornem todo o conteúdo mais relevante, atraente do ponto de vista do consumidor e facilmente explorado pelo marketing.

Com a união do jornalismo e o marketing, a internet se torna mais profunda, pois a prática de bom senso é cada vez mais item valorizado, já que por anos houve assuntos diversos sem o menor senso crítico sendo colocados à disposição de todos, o que tirou grande parte da credibilidade da web.

Compreender o jornalismo online é, sobretudo, entender o passo dado rumo ao futuro da comunicação, que inclui o consumidor ativo, o jornalismo reativo, o marketing de conteúdo e a produção responsável de produtos e serviços.

Confira mais conteúdos como esse no Geek Curioso.